Em Palmas, invasores do MST têm direito a uma lauta refeição, servida por garçons. Tudo pago com dinheiro público.


Daqui a pouco, o cerimonial para recepcionar as ilegalidades do MST será mais rigoroso do que o do Palácio de Buckingham em casamento de príncipe. Abaixo, há uma reportagem apresentada ontem no Jornal da Band. Depois de terem sido obrigados pela Justiça a deixar uma fazenda produtiva que haviam invadido, os sem-terra foram recebidos pela Prefeitura de Palmas, em Tocantins, com acepipes, sucos, cafezinho etc. Tudo servido por garçons. O prefeito Raúl Filho, do PT, houve por bem encher a pança dos invasores com dinheiro público. E demonstrou que é melhor na arte de receber que o governador Jaques Wagner (PT), da Bahia. De bucho forrado, os companheiros partiram para a segunda ação do dia: a invasão da sede do Incra. De porretes na mão.

Fonte: Blog Reinaldo Azevedo

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Cambagem, saiba quando fazer!

RELEMBRANDO O ROCK DE VERDADE (Philips Monster of Rock)